Hotéis são aliados na preservação do turismo histórico

Fazenda Florenca

Diante do cenário atual, cada vez mais turistas nacionais estão tendo a possibilidade de conhecer o país e, com isso, um pouco mais de sua história. Seja no interior ou nas capitais, a hotelaria conta com o apoio fundamental dos hotéis fazenda e históricos, empreendimentos que levam o hóspede à vivência do campo, da natureza, ao mesmo tempo em que proporcionam ao visitante a possibilidade de apreciar belíssimas construções e peças dos períodos colonial e imperial. A Associação Roteiros de Charme conta, atualmente, com nove associados que contribuem para o resgate da história, conservando suas construções.

No estado do Rio, o Vale do Café abriga casarões centenários que permitem ao turista uma viagem pelo tempo. Dois hotéis da Associação Roteiros de Charme ilustram bem a importância da preservação do turismo histórico. No município de Rio das Flores, o Hotel Fazenda União está situado em uma edificação, construída em 1836, que foi uma das sesmarias de Domingos Custódio Guimarães, o Visconde do Rio Preto. Sua sede foi integralmente restaurada, mantendo todo o esplendor da época das fazendas de café. Outro prédio que dá muito charme ao local é a Igrejinha de São José de Botas, em estilo barroco, igualmente restaurada e muito procurada para casamentos, completando o conjunto arquitetônico colonial.

Fazenda União
Fazenda União

Na Fazenda União a infraestrutura de lazer é variada, com piscina aquecida, esportes, arvorismo e muito mais.

Já em Conservatória, o Hotel Fazenda Florença abriga objetos originais do século XIX, como bengalas, cartolas, porcelanas, entre tantos outros.

fazenda Florenca
Fazenda Florença

Em suas instalações, opções de lazer para toda a família, como passeios de charrete, espaço para práticas de esportes, piscinas aquecidas, ginástica e recreação para a garotada, além de uma gastronomia típica da fazenda com refeições feitas no fogão a lenha.

Na capital fluminense, uma antiga fazenda de café viu a cidade crescer em seu entorno e, hoje, reina como um hotel cinco estrelas, o Hotel Santa Teresa Rio MGallery

O Hotel Santa Teresa Rio MGallery está localizado em uma histórica fazenda de café de 1850, e toda sua decoração remete ao período de ouro da produção cafeeira e de cacau.

Em Petrópolis, na região serrana do Rio de Janeiro, o Solar do Império tem como marco histórico ter recebido a Princesa Isabel e sua família em suas acomodações. Hoje, o casarão de 1875 oferece uma hotelaria de requinte e conforto para quem se hospeda na região mais nobre da cidade.

Paraty também é uma cidade conhecida pela conservação de seu casario colonial, que viveu seus dias de glória quando o Brasil era uma colônia que exportava ouro. A Pousada do Sandi, com sua construção do século XVIII, conserva elementos de sua arquitetura original, como um dos cartões-postais de Paraty.

Pousada do Sandi

Ouro Preto, em Minas Gerais, é um dos locais onde a história é mais preservada, com casarios coloniais que foram reaproveitados pelo comércio e rede hoteleira. Entre eles, se destaca a Pousada do Mondego, que preserva a arquitetura da época oferecendo o melhor da hotelaria local.

pousada do mondego
Pousada do Mondego

Em São Paulo, a Fazenda Capoava, localizada na cidade de Itu, recupera a arquitetura do período dos Bandeirantes, que saíram desbravando o interior do país em busca de riquezas.

Fazenda Capoava
Fazenda Capoava

No município de Itapira, a Fazenda Águas Claras resgata a arquitetura do início do século XIX, no auge do Café, na região próxima à Serra da Mantiqueira.

Fazenda Águas Claras

O Casarão Vila do Império, em Pirenópolis (GO), evidencia o Centro-oeste do século XVIII, ao manter a decoração e construções do período em excelente conservação, sem deixar de oferecer o conforto de hoje.

Casarão Villa do Império

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *